Twitter

CUT AL > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > MULHERES BANCÁRIAS FAZEM ENCONTRO HISTÓRICO

Mulheres bancárias fazem encontro histórico

24/08/2012

Evento discutiu a participação das mulheres na política e no movimento sindical

Escrito por: Seec-AL

Bancárias de diversas instituições financeiras participaram no último sábado (18/08) do 1º Encontro de Mulheres Bancárias de Alagoas, dando grande contribuição para o debate sobre o engajamento das mulheres na política e no movimento sindical. O evento, que também reuniu lideranças femininas de outras categorias (locais e nacionais), é um marco histórico para as trabalhadoras do ramo financeiro no Estado, que puderam pela primeira vez discutir entre si anseios e necessidades, além de estratégias para ampliar e melhorar sua organização.

O Encontro começou com uma exposição da presidente estadual da CUT, Amélia Fernandes, que abordou o tema “A origem da desigualdade de gênero”. Primeira mulher eleita para comandar a Central Única dos Trabalhadores em Alagoas, Amélia despertou a atenção das participantes, iniciando um processo de intenso debate.

Em seguida, o tema em discussão foi “As mulheres bancárias e o movimento sindical”, cuja exposição foi realizada por Deise Recoaro, secretária da Mulher da Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro). Encerrando os debates o tema abordado foi “As mulheres e a política”, que teve um painel apresentado por Suzineide Rodrigues, diretora do Sindicato dos Bancários de Pernambuco.

“O encontro foi muito produtivo. Sentimos nas colegas que participaram o desejo de se integrar mais às lutas da mulher, da categoria bancária e dos trabalhadores em geral, que era o objetivo do evento”, disse Arivoneide Moraes, diretora do Seec-AL. Segundo ela, que foi uma das organizadoras do Encontro, as mulheres estão se conscientizando de que, para mudar profundamente a cultura sexista, assegurar amplamente os direitos femininos e avançar na transformação social, é necessária a participação cada vez maior da mulher nos espaços de poder, tanto na política quanto no movimento sindical.

Para Míriam Albuquerque, também diretora do Seec-AL, a luta contra a discriminação, pela igualdade de oportunidades e em busca de maior participação das mulheres nas instâncias de poder deve ter o apoio de toda a sociedade. “Foi com este espírito e a soma de esforços de vários segmentos que o último congresso nacional da CUT aprovou a paridade para os cargos de direção da Central, que serão ocupados em 50% por mulheres”, afirmou. A diretora parabenizou os bancários que se inscreveram e participaram do 1º Encontro das Mulheres Bancárias de Alagoas, demonstrando que estão juntos nesta luta.

Além das lideranças bancárias e não bancárias que realizaram palestras durante o Encontro, participaram do evento a secretária da Mulher Trabalhadora da CUT no Pará, Ray Barreto, a secretária da Mulher Trabalhadora da CUT em Alagoas, Girlene Lázaro, assessoras da Secretaria da Juventude e da Secretaria da Mulher da CUT-Nacional, e outros dirigentes de entidades sindicais no Estado.

A participação das bancárias da base também foi expressiva, com a presença de colegas do Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco do Nordeste, Bradesco, Itaú e Santander, entre outros bancos. O Encontro foi encerrado com um almoço de congratulações no Espaço Cultural dos Bancários, quando todos os participantes puderam conversar e estreitar os laços de amizade.

O sentido político do Encontro Estadual foi resumido, ao final, com uma pequena mas sábia declaração da garota Victória Costa Ferreira, de dez aninhos de idade, que acompanhou a mãe, Denize Pereira Costa (Banco do Brasil), durante os debates: “Eu achei que o encontro quer fazer a diferença entre os trabalhadores. E entendi que a mulher deve sempre ser notada na sociedade, independente de qualquer pessoa. E também ter coragem e força de vontade para construir sua vida, sua família, no trabalho e na vida pessoal”.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

Nome:
E-mail:
Título:

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE ALAGOAS
Rua General Hermes, 380 | Cambona | CEP 57017-200| Maceió | AL
Fone: (55 82) 3221.6794 - (55 82) 3336.8786| www.cut-al.org.br | e-mail: cutalagoas@gmail.com