Twitter

CUT AL > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > ENFERMEIROS E ODONTÓLOGOS PARALISAM ATIVIDADES EM 50% DOS MUNICÍPIOS DE AL

Enfermeiros e odontólogos paralisam atividades em 50% dos municípios de AL

31/01/2012

Enfermeiros e odontólogos ligados ao Programa de Saúde da Família (PSF) paralisaram as atividades por tempo indeterminado.

Escrito por: Alagoas24horas

 

Conforme haviam anunciado, enfermeiros e odontólogos ligados ao Programa de Saúde da Família (PSF) paralisaram as atividades por tempo indeterminado.

Os profissionais se concentram na porta da Associação dos Municípios Alagoanos, exigindo que a entidade intermedeie as negociações junto às prefeituras.

Os profissionais exigem melhores condições de trabalho, além de reajuste salarial por meio da implementação efetiva do piso salarial das categorias, R$ 10 mil por 40 horas de serviço para enfermeiros, e R$ 18 mil para odontólogos. Recentemente, os médicos - que também brigam por melhorias salariais – obtiveram na Justiça o direito de realizar greve.

Os profissionais de vários municípios se concentraram na frente da AMA em busca de uma reunião com o presidente da entidade, Palmery Neto, que não estava no local.

Ainda segundo os líderes do movimento, em 24 municípios as atividades não foram suspensas porque os prefeitos estão em negociação com as categorias.

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.
João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta solidariedade a sindicalistas coeranos presos.

João Felício, presidente da CSI, Confederação Sindical Internacional, presta(...)

RÁDIO CUT

CENTRAL ÚNICA DOS TRABALHADORES DE ALAGOAS
Rua General Hermes, 380 | Cambona | CEP 57017-200| Maceió | AL
Fone: (55 82) 3221.6794 - (55 82) 3336.8786| www.cut-al.org.br | e-mail: cutalagoas@gmail.com